3 de dez de 2014

O ADIADO AVÔ - (A Menina Sem Palavra) - Mia Couto.



Grande Mia Couto.
“O Adiado Avô” foi sem dúvidas, um dos melhores contos do livro “A Menina Sem Palavra”.
Absurdamente encantador, simples e real.
Contando a história de um homem que só queria um pouco de atenção, o autor conseguiu nos passar um sentimentalismo profundo e sincero.
Zedmundo sempre foi um bom marido, um bom pai.
Mesmo calado, observador, nunca deixou nada a faltar a seus filhos e a sua esposa amada.
Achou que agora com eles crescidos e criados, poderia ser apenas de Amadalena, sua esposa.
Queria seus cuidados, queria ser ele mesmo e não ser rotulado eternamente como pai.
Viu-se então perdido, quando sua filha Glória engravidou.
Mesmo amando o neto, querendo se aproximar Zedmundo não tinha coragem.
Ele deseja tanto ser ele mesmo, e agora seria o avô.
Sua esposa iria novamente dividir as atenções.
Zedmundo nunca iria conseguir ser amado por inteiro.
Os dias se passaram, o homem estava desmoronando.
Foi quando Amadalena entendeu o que se passava.
Ele nunca foi tratado como filho, às responsabilidades vieram rápidas demais na vida daquele homem.
Ele só queria um momento de proteção.
Um momento em que ele fosse ninado como uma criança.
O neto precisa desesperadamente de seus avós.
Uma tragédia abateu sobre aquela família. Zedmundo irá pela primeira reconhecer aquela criança como seu neto.
Seu adiado neto.
Conseguirá conviver com o rotulo de avô?
E amar a criança como ela realmente merece?
Um conto mágico que todos devem ler.
Casa de Livro Recomenda.


Titulo: O Adiado Avô - A Menina Sem Palavra.
Autor: Mia Couto
Páginas: 160
Ano: 2013
Editora: Boa Companhia

Boa Leitura
Casa de Livro

Karina Belo.



Os dias passaram mais lentos que as lembranças. Mais breves que as lágrimas de nossa irmã Glória. O neto cumpriu o primeiro aniversário. Nesse mesmo dia, deu os primeiros passos. Houve palmas, risos, copos erguidos. Todos poliram júbilo menos Zedmundo, encostado em seu próprio corpo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente: