19 de mai de 2015

FINALMENTE VOCÊ – Daisy Prescott


Editora nVersos sempre presenteando o Blog Casa de Livro com obras incrivelmente belas.
“Finalmente Você” é um romance encantas. Com fatos marcantes e momentos inesquecíveis, as palavras da autora Daisy Prescott tem o poder de nos transportar para uma ilha paradisíaca, onde uma história de amor a muito adormecida, virá novamente à tona.
Maggie Marion é uma mulher madura de quarenta e um anos.
Após se casada com um Cheff de Cozinha francês, descobriu que sua vida também girava em torno da gastronomia.
Não que ela tivesse aptidão para cozinhar como Julien, mas era extremamente incrível em suas criticas nos restaurantes mais badalados.
Hoje ela é considerada uma das melhores no ramo. Trabalha para editoras e também para um blog especializado na área.
Infelizmente o casamento com Julien não durou mais do que três anos.


Mas Maggie voltou para a ilha Whidbey como uma mulher independente, uma carreira fantástica e pronta para voltar à vida normal, após alguns terríveis anos.
Antes de ir embora para a frança e se casar com Julien, Maggie viveu uma linda história de amor com Gillian Morrow. Um charmoso rapaz que sempre a amou.
Mas os anos se passaram, eles tiveram uma história a vinte e dois anos atrás.
Será possível que os sentimentos ainda possam existir?
Um reencontro entre os amigos mais íntimos de Maggie proporciona um reencontro esses dois corações.
Um fim de semana em sua casa, na ilha.


Maggie foi à perfeita anfitriã. Ama tanto aquelas pessoas, aqueles amigos que sempre fizeram parte de sua vida.
Mas quando seus olhos caem sobre Gil, fica perdida e sem saber como agir.
Será que o destino estaria dando a eles uma segunda chance?
O fim de semana transcorre melhor do que ela esperava.
A presença de Gil ali na casa, entre eles, é diferente e excitante.
Ela sabe que nunca o deixou de amar, mas seria capaz de se entregar novamente?
Tantas coisas aconteceram.
Ela passou por tantos tormentos e ele não estava ao seu lado.
Mas ela ali agora, com ela e com todos que tanto a amam.
As provocações são inevitáveis. O clima é leve e eles brincam um com o outro, como se ainda fossem adolescentes.
Gi sabe que pode ter Maggie novamente.


Ele esperou mais de vinte anos por isso, não vai desperdiçar essa nova chance.
Ele entende que precisa dar um tempo, ir com calma.
Maggie não é mais uma menina, mas ainda tem seus medos e suas fraquezas.
Ele não suportaria que ela fugisse novamente de seus braços.
Novamente o destino une essas duas pessoas.
Dois amantes que foram separados pelas escolhas da vida.
Errado ou certo, nunca irão saber. Mas tudo os levou para aquele fim de semana, para aquela ilha, para os braços um do outro.
Uma nova chance.
Uma nova escolha que Maggie fará.
Gil não deixará que ela parta.
E ela estará onde sempre desejou estar.
Uma história que nos mostra o poder do amor.
Apresenta-nos amizades verdadeiras, e seus significados.
Um fim de semana regado com risadas, lágrimas, altos e baixos da vida, histórias antigas e novos recomeços.
Uma história de amor verdade.
Maggie deixará seu coração falar mais alto?
Ou desperdiçará mais uma oportunidade de ser feliz?
Casa de Livro Recomenda.


É normal ter tanta saudade de alguém que não via há cinco anos, com quem não ficava junto há vinte anos e que viu por menos de cem horas?

Titulo: Finalmente Você
Titulo Original: Geoducks Are For Lovers
Autora: Daisy Prescott
Ano: 2015
Páginas: 318
Editora: nVersos.

Boa Leitura.

Casa de Livro.


Karina Belo.



Com suas jarras e copos, atravessam a multidão e voltam para o fundo do salão. Gil coloca a mão na parte de baixo das costas de Maggie para ajudar a guiá-la pelo corredor estreito repleto de pessoas. Ele nota como sua mão se encaixa perfeitamente na curvatura das costas dela como se fora feita para estar ali.

 

Suas palavras afetam Maggie, e ele vê a mágoa brilhar nos seus olhos rapidamente, ou pelo menos acha que vê. Não tem certeza de por que ela parece tão magoada por causa do que disse, mas quer consertar isso. Eles viviam de paquera antes do incidente Francês.

 


Suas palavras pareciam conter mais do que a afeição e a nostalgia pelo grudo. Ela se vira e o olha fixamente. No escuro, com a lua prateada e a fogueira, ele parece o mesmo rapaz de vinte anos que ela amava, e para quem nunca contou. Seu coração dispara ao pensar nisso da mesma maneira como disparou no passado.

 


Ela se vê em frente a uma mesa de bar improvisada e pega uma taça de plástico de vinho tinto. Há mais pessoas em volta do bar, logo, ela vai para o outro lado. De seu novo ponto de vista, consegue ver o fundo do salão. De pé, em um grupo de homens, de costas para ela, está aquele que ela ama.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente: