14 de mar de 2015

O GATILHO CONTRA O MAL - (Livro 03 - Série Anti-Heróis) - Renato Ribeiro.


Renato Ribeiro escreveu a série Anti-Herói de forma magnífica. Misturando uma aventura fantástica com um suspense que nos faz arrepiar.
O terceiro volume da série, “O Gatilho Contra o Mal”, nos leva o para o Rio de Janeiro.
Ramon é o super-herói da vez. Um homem bruto que mata pessoas inocentes para controlar a sociedade.
O medo o faz forte, sente-se realizado em ser temido.
Chefe dos soldados de elite do local, o treinamento para entrar em sua corporação é cruel, doentio. E muitos acabam não saindo com vida.
John, nosso anti-herói, tem a missão de acabar com esse crápula.
Mas sabia que seria muito mais complicado, matar Felix e Cíntia foi fácil. Mas Ramon era poderoso, ele tinha poderes que poderia enxergar o que estava guardando em sua mente.
Jonathan entrou para o treinamento de elite, queria tornar-se um de seus soldados para que tivesse a chance de enfrentar Ramon.
Mas as coisas ali foram complexas, sem poder tomar o seu polivitaminico, John estava fraco, doente e cansado.
Ramon sabia que o anti-herói estava ali. O caçaria, e faria ter uma morte lenta e dolorosa.
John precisaria correr contra o tempo, para encontrar uma forma de sair dessa situação.
Ele precisa matar o herói intitulado o Gatilho da Morte, homem que mata pessoas inocentes apenas para colocar medo, e manter uma ordem falsa no país.
Não pode mais aceitar que tantas vidas sejam perdidas em prol do poder.
Porém John caiu em uma armadilha, que poderá custar a sua vida.
Será possível completar tal missão?
Ele sempre soube que Ramon seria difícil.
Mesmo fraco ele conseguirá lutar?
Mais uma história sobre um anti-herói que deseja restaurar a liberdade do mundo.
Casa de Livro Recomenda.



Agora seu objetivo era levar esse regime para todo o mundo, e o meu como assassino de heróis era trazer de volta a liberdade. O medo precisava morrer.


Titulo: O Gatilho Contra o Mal - Livro 03 - Anti-Herói
Autor: Renato Ribeiro
Ano: 2014
Páginas: 91

Boa Leitura
Casa de Livro.

Karina Belo.



Sentado em minha poltrona naquele lugar sem nenhuma luz acesa, me permito parar de fingir. Eu estava quebrado por dentro e com dúvidas que certezas. Eu era um herói ou um vilão? Eu estava salvando o povo ou trazendo uma onde de terror e medo? Não havia respostas prontas e mesmo se houvesse eu não as encontraria no estado em que estava. Seja como fosse eu iria confrontar Ramon com dúvidas e era suicídio enfrentar um dos mais poderosos heróis sem estar certo do que estava fazendo. Ainda mais quando meu inimigo é alguém munido de tantas certezas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente: